top of page

Macaé é destaque com ouro em Mundial de Jiu-Jitsu em Abu Dhabi


Jornalista: Juliana Carvalho

Foto: Divulgação


Aos 14 anos, Mariana Zamorano vem deixando seu nome registrado no Jiu-Jitsu. A competidora, beneficiada com o Bolsa Atleta da Prefeitura de Macaé, conquistou medalha de ouro em um dos mais importantes torneios da modalidade, o Campeonato Mundial Juvenil em Abu Dhabi, da federação AJP, realizado neste domingo (13).


A viagem ao Emirados Árabes consagrou um ano de conquistas para a atleta que é campeã brasileira, sul-americana e do Pan Americano Kids. Praticante de Jiu-Jitsu há quatro anos, Mariana destacou em suas redes sociais o apoio obtido pelo governo municipal por meio do Bolsa Atleta. "O programa é um sucesso, a decisão de levantar o esporte em nossa Macaé foi muito acertada. Sou orgulhosa de ser macaense", declarou.


Mariana competiu com atletas de outras oito nacionalidades na categoria 14/15 anos, faixa verde, até 52 quilos, e não foi a única representante de Macaé a ganhar destaque no Mundial. A também competidora e contemplada com o Bolsa Atleta, Mariana Vantil, trouxe para casa o título de vice-campeã mundial (faixa laranja-verde até 57 quilos).


O programa Bolsa Atleta é uma iniciativa realizada pela Secretaria de Esportes da Prefeitura de Macaé. O benefício auxilia os esportistas com o custeio de passagens para competições, hospedagens, alimentação, entre outros. Atualmente são 164 atletas contemplados em 24 modalidades.


"O programa é muito diferenciado e dá oportunidade aos atletas de médio e alto rendimento da nossa cidade de estarem inseridos em competições mundo afora. Fico muito orgulhoso de ver a participação de Macaé em campeonatos como esse de Abu Dhabi, com resultados significativos, e de termos uma administração pública municipal sensível ao esporte, que fez com que a lei do Bolsa Atleta entrasse em vigor", declarou Marvel Maillet.



Nova geração de atletas


A nova safra de atletas macaenses não para de crescer. Yasmin Cruz, 11 anos, também esteve em Abu Dhabi e ficou em quarto lugar. "Tive uma grande experiência e competi com meninas de sete países diferentes", pontuou ela, que é líder no ranking estadual pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Olímpico (CBJJO).


A fim de apoiar atletas mais novos como Yasmin, a prefeitura encaminhou um projeto de lei, aprovado nesta quarta-feira (16) na Câmara dos Vereadores, para a diminuição da idade para ingresso no Bolsa Atleta. "Estamos muito felizes que a proposta foi aprovada. A ideia de baixar de 12 para 10 anos a idade mínima de contemplação pelo programa permitirá que mais esportistas sejam beneficiados com o patrocínio, valorizando a dedicação e o empenho dessas crianças ao esporte", concluiu Marvel.

Posts recentes

Ver tudo

CONCESSÃO DE LICENÇA

PREFEITURA DE CASIMIRO DE ABREU CNPJ N° 29.115.458/0001-78 A Prefeitura Municipal de Casimiro de Abreu através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, torna público que

Comments


bottom of page