top of page

Educação no Outubro Rosa conscientiza mulheres sobre câncer de mama


Você já fez seu exame de prevenção ao câncer de mama? A pergunta, realizada na abertura do evento “Educação no Outubro Rosa”, foi para chamar a atenção das mulheres no mês que marca a campanha de conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e de colo de útero. O encontro, promovido pela Superintendência de Educação Integrada em parceria com a instituição Unamama, aconteceu no auditório Cláudio Ulpiano, na Cidade Universitária.


Histórias como da professora Margarida Maria Barcelos, 67 anos, que descobriu o câncer de mama em janeiro de 2021, são exemplos de que o cuidado com o corpo pode fazer a diferença. Ela conta que o alerta surgiu no autoexame em sua casa quando percebeu um caroço nos seios. “Assim que percebi procurei um médico, logo fiz minha cirurgia e, atualmente, faço hormonioterapia. Descobrir um câncer é doloroso, além de ter sido durante uma pandemia, mas tive uma rede de apoio para lutar todos os dias”, frisou Margarida.


A secretária de Educação, Leandra Lopes, destacou que o órgão conta com 80% de profissionais mulheres, por isso, a importância de falar sobre a prevenção. “Hoje é um espaço para mostrarmos a causa do Outubro Rosa, uma ação para todos. É muito importante olharmos para o outro e termos uma visão de acolhimento”, acrescentou a secretária.


O encontro foi marcado por uma programação especial, com sax de Eduardo Bruno, músico macaense e instrutor de bandas da rede municipal de ensino. O acolhimento ficou por conta da coordenadora pedagógica da Superintendência de Educação Infantil, Juliana Andrade Nogueira. Em seguida, o público participou da contação de histórias, realizada pelo grupo Historiarte, com Ana Paula Lima.



A conversa sobre os direitos da mulher com câncer foi promovida pela advogada Rute Curvelo, que faz parte da equipe técnica do Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam) e da Secretaria de Políticas para Mulheres. Já Kátia Magalhães, do Programa de Cultura Afro Brasileira e Indígena nas escolas, falou sobre o tema “Mulheres Pretas e o índice de câncer de mama”. E para encerrar, foi realizada uma roda de conversa com depoimentos de mulheres da Secretaria Municipal de Educação. O evento também contou com a Feira de Artesanato das Servidoras.


Unamama

A União Solidária no Combate ao Câncer de Mama Macaé (Unamama) é uma associação civil sem fins lucrativos criada em 2007 por um grupo de pacientes, familiares e voluntários que buscaram trabalhar em prol da prevenção ao câncer de mama. A Unamama funciona no Centro Cultural Magdá Garcia, sala 202, na Avenida Rui Barbosa, 435 (altos da loja Ponto Frio do Calçadão), onde as pessoas são acolhidas e informadas sobre os serviços que necessitam e fazem oficinas de artesanato, culinária e customização às segundas, terças e quartas-feiras.

Posts recentes

Ver tudo

CONCESSÃO DE LICENÇA

PREFEITURA DE CASIMIRO DE ABREU CNPJ N° 29.115.458/0001-78 A Prefeitura Municipal de Casimiro de Abreu através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, torna público que

Commentaires


bottom of page