top of page
  • matheuslopescomerc

Covid-19: Legislativo reforça a necessidade de segunda dose da vacina


Iza recomendou propaganda para que as pessoas concluam a imunização

Um requerimento de Iza Vicente (Rede), aprovado nesta terça-feira (6) na Câmara de Macaé, alertou para os casos de pessoas, sobretudo idosos, que não estão tomando a segunda dose da vacina contra a Covid-19. A vereadora informou que nem todos os vacinados têm retornado para concluir o processo na cidade.

“Queremos que o Executivo informe os números a respeito e o que está fazendo para evitar esse perigo”, disse a autora. Segundo ela, é preciso reforçar a propaganda por meio de WhatsApp, SMS e outros meios. “Peço à Presidência que seja colocada uma faixa na sede e outra na Câmara antiga (Centro Cultural do Legislativo) apelando para que as pessoas não percam a segunda dose”.

O presidente Cesinha (Pros) concordou e observou que os idosos muitas vezes não utilizam redes sociais. “Solicito que a prefeitura lance mão dos meios de comunicação convencionais", afirmou, pedindo em público e apelando a vários comunicadores populares de rádios locais para colaborarem com a divulgação. “A imunização só chega a 80% com a segunda aplicação”, enfatizou.

Rafael Amorim (PDT), relator da Comissão Permanente de Saúde, lembrou que o perigo é grande, principalmente em locais afastados, como na região serrana. “A secretária de Saúde quando esteve nesta Casa falou da busca ativa das pessoas a serem vacinadas, que também neste caso será de grande valia”.

Energia limpa

Teve destaque ainda na sessão o Projeto de Lei 23/2021, de Edson Chiquini (PSD), para captação de água e energia solar em prédios públicos. “Macaé gasta por mês mais de R$ 3 milhões com energia”, defendeu. Diversos parlamentares apoiaram o projeto, apesar do risco de veto do Executivo por gerar custos para o governo. Contemplado em primeira discussão, aguardará possíveis emendas para ser votado futuramente.

BRK e aleitamento materno

No Grande Expediente da sessão do dia 13 de julho, terça-feira que vem, fiscais do governo farão esclarecimentos sobre o contrato entre o governo e a BRK, cujas obras estão causando grandes transtornos em Macaé. No dia seguinte, será a vez de o grupo “Amor Líquido” apresentar as dificuldades e reivindicações em prol do aleitamento materno no município.

Posts recentes

Ver tudo

CONCESSÃO DE LICENÇA

PREFEITURA DE CASIMIRO DE ABREU CNPJ N° 29.115.458/0001-78 A Prefeitura Municipal de Casimiro de Abreu através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, torna público que

Comentários


bottom of page