top of page

Ação lembra Dia Nacional de Luta da População em Situação de Rua


O Dia Nacional de Luta da População em Situação de Rua foi lembrado na manhã desta sexta-feira (19), na Praça Veríssimo de Melo. A ação foi uma iniciativa da equipe do Consultório na Rua da Secretaria de Saúde e contou com a parceria dos estudantes do curso de Enfermagem da Universidade Estácio de Sá.

Uma das integrantes da equipe do Consultório na Rua, Ariana Silveira da Silva, explica que ações como essa são realizadas semanalmente em locais onde possuem moradores em situação de rua. "Realizamos o nosso trabalho nas praças, Centro Pop e Pousada da Cidadania. Na ação desta sexta-feira (19), realizamos a aferição de pressão arterial e, caso haja alguma alteração, encaminhamos para o atendimento médico em nosso consultório", explicou.



A professora do curso de Enfermagem da Estácio de Sá, Michelle Monteiro, ressalta a parceria entre a instituição para participar de ações como essa. "É uma boa oportunidade para aperfeiçoamento, pois os estudantes conhecem de perto a realidade nas ruas, fora das salas de aula e aprendem mais", ressaltou.

O Dia Nacional de Luta da População em Situação de Rua, é lembrado dia 19 de agosto em memória ao acontecimento conhecido como “Massacre da Sé”, em 2004, no qual sete pessoas foram assassinadas e oito ficaram gravemente feridas enquanto dormiam na região da Praça da Sé, capital paulista. Tal fato desencadeou o início da mobilização de grupos da população em situação de rua para construir o Movimento Nacional da População de Rua, em uma contínua luta pela garantia de direitos.

O programa Consultório na Rua, da Secretaria de Saúde de Macaé, funciona na Rua Dr. Zamenhoff, 154, Imbetiba (fundos), próximo ao Pronto Socorro Municipal. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. O programa é direcionado a quem se encontra em vulnerabilidade social (situação de rua, em condição de rua, profissionais do sexo, dentre outros), com ações integrais de saúde frente às necessidades dessa população. O programa é pactuado pelo Ministério da Saúde junto à Prefeitura de Macaé.

O atendimento, que abrange demanda espontânea, tem trabalho itinerante de abordagem social no território (campo), ações de saúde, aquisição de documentos e encaminhamento para os serviços específicos da rede municipal de saúde, se necessário. O serviço oferecido conta com uma equipe multiprofissional composta por enfermeiro, médico clínico geral, agente comunitário de saúde e assistente social.

Posts recentes

Ver tudo

CONCESSÃO DE LICENÇA

PREFEITURA DE CASIMIRO DE ABREU CNPJ N° 29.115.458/0001-78 A Prefeitura Municipal de Casimiro de Abreu através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, torna público que

Commentaires


bottom of page